O que é BLW?

O texto abaixo é uma adaptação livre do texto explicativo do método contido no site www.baby-led.com.

A idéia que a maioria das pessoas tem de introdução de sólidos involve papinha ou sopinha e um dos pais com uma colher dando na boca do bebê. A maior parte acaba fora da boca, o pai ou a mãe raspa com a colher e tenta de novo. E o quadro se repete até um dos dois se cansar.

A introdução de sólidos guiada pelo bebê (baby-led weaning – BLW) é diferente. É uma forma de introduzir sólidos que permite que o bebê se alimente – não existe papinha ou colherzinha. O bebê se senta à mesa com a família e  participa quando estiver preparada. Os pais oferecem a ele comida de tamanhos e formas que permitam o bebê segurar e se alimentar com as mãos, escolhendo o que comer, na quantidade e velocidade que quiser.

Todos os bebês saudáveis podem ser apresentados à comida desta forma. Eles não precisam que seus pais decidam quando introduzir sólidos e não precisam ser alimentados com uma colher; eles só necessitam que lhes seja dada a oportunidade de se alimentarem sozinhos.

BLW permite que os bebês cresçam com uma relação saudável com a comida.

Por que faz sentido?

BLW é baseado no desenvolvimento do bebê durante o primeiro ano.

  • A OMS recomenda que bebês só devem se alimentar de leite materno (ou leite artificial) até completarem seis meses de idade porque seu sistema digestivo e imunológico não está preparado para outros alimentos
  • A maioria dos bebês normais, aos 6 meses de idade, consegue ficar sentado, pegar pedaços de comida, levar à boca e mastigá-los
  • Bebês começam a colocar e manter a comida na boca quando estão desenvolvidos o suficiente para tal – quando seus sistemas imunológico e digestivo estão maduros o suficiente para lidar com outros alimentos além do leite e quando eles estão fisicamente aptos para colocar comida na boca. Geralmente, isso acontece a partir dos seis meses
  • Apesar dos folhetos explicativos sobre introdução de sólidos do Departamento de Saúde do Reino Unido se concentrarem em papinhas para bebês, eles também aconselham que os pais a deixar os bebês se alimentarem sozinhos, usando as mãos, tão logo demonstrem interesse e a oferecer alimentos que eles possam pegar desde o começo. A diferença com o BLW é que se pula a etapa da papinha, permitindo que eles sempre se alimentem sozinhos

BLW não é uma novidade

  • Muitos pais com dois ou mais filhos descobriram BLW acidentalmente quando seus bebês resolviam se servir da comida do prato de outras pessoas
  • Pais são encorajados a dar pedaços de comida desde os seis meses para ajudar no desenvolvimento da habilidade de mastigar. Entretanto, a maior parte das pessoas presume que bebês precisam de papinhas antes. Mas bebês não aprendem a mastigar tomando sopinha de colher – a melhor forma de desenvolver a mastigação é praticando.

Comer de colher é desnecessário

  • Não há qualquer pesquisa que prove que comer de colher seja a melhor forma  de introduzir sólidos para a maior parte dos bebês.  É uma prática herdada dos dias em que se pensava que o bebê precisava de algo além de leite materno aos 3 ou 4 meses de idade. Nessa idade, os bebês não são capazes de colocar comida na boca
  • Aos 6 meses a maioria dos bebês começa a se alimentar sozinho com pedaços de comida se tiverem oportunidade – não há necessidade de colher.

Eles não engasgam?

  • Não existe mais risco de engasgar com BLW do que com qualquer outro método de introdução de sólidos.
  • Adultos e crianças tem mais probabilidade de engasgar se outra pessoa está lhes dando comida já que não tem controle do que entra em sua boca – com BLW o bebê está no comando
  • Princípios básicos de segurança se aplicam com BLW, como com todos os métodos de alimentar bebês com sólidos:
    – o bebê deve estar sentado
    – castanhas e frutas que contêm sementes grandes (como  cerejas e azeitonas) não devem ser oferecidos ao bebê
    – ninguém além do bebê deve colocar nada em sua boca
    – bebês sempre devem ser supervisionados quando estiverem comendo

Não sou exatamente um gênio da tradução, mas não saberia explicar tão bem com as minhas palavras. Pretendo, de vez em quando, trazer textos de outras fontes para enriquecer nosso livro de receitas!

Anúncios

1 Comentário »

  1. Janaina Said:

    Olá, linkei as suas traduções sobre BLW no meu blog para que outros pais possam ter acesso.
    Bj!
    Janaina


{ RSS feed for comments on this post} · { TrackBack URI }

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: